09 julho 2013

Tique-Taque, de Bruna S.


Tudo era noite, tudo era dia, um emaranhado de dúvidas e medos que me invadiam a todo instante. O tique-taque do relógio era incessante, ressoava estrondoso no quarto em que eu, minha solidão e meu café convivíamos na mais perfeita harmonia. Que horas eram, eu não sei dizer. Meus olhos viam, eu é que não enxergava. Havia algum livro no criado-mudo, meus óculos de leitura repousavam em cima dele, leves tal qual uma pluma – bem diferente daquela insônia, que me pesava os olhos e a alma. O cobertor era quente, assim como o café. Mas algo dentro de mim não se havia aquecido. Lembranças, saudades, tormentos – tudo isso, uma hora ou outra vem à tona, e é pesado, é penoso, é tortuoso. Dói sobre os ombros e sobre a alma. Para se viver do presente, se deve esquecer o passado. Mas há muito minhas noções de tempo foram perdidas. Talvez eu não seja tão amarga quanto este café que me queima os lábios. Mas sei que não sou tão doce quanto o romance aqui ao lado. Não nasci assim, eu acho, - E como poderia ter certeza?! – mas o tempo (olhe ele ai de novo) retirou a neblina que impedia meus olhos de enxergarem a vida por meio da realidade, não dos romances. Eu pude perceber que um sorriso nem sempre é um bom sinal. Que o certo e o errado são só conceitos. Que nem tudo é tão amargo assim, nem tão doce – é o nosso paladar que muda com o passar do tempo. Mas isso é só um delírio, creio eu. Aperto meus olhos e posso ver, o relógio marca duas horas e trinta minutos, com seu tique-taque infinito até que as pilhas durem. Eu ouço o seu barulho que ecoa pelo quarto silencioso, e me entrego a ele. A ele, à minha solidão, e ao meu café.


Gostaram? Conheci o blog Espelhos Quebrados da Bruna S, através de um comentário que ela fez aqui no blog e amei os textos que ela posta lá.
Postado por Byanca Pinheiro às 18:41
Comentários
3 Comentários

3 comentários:

Gente, que texto lindo! :)
Quem nunca se pegou numa madrugada a pensar, que atire a primeira pedra!

Um beijo,

http://algumasobservacoes.blogspot.com/
http://escritoshumanos.blogspot.com/
Lindo texto, lindo blog! Todo mundo às vezes precisa ficar sozinho um pouco, principalmente quando precisa pensar ou está com saudades de algo, só não podemos nos apegar a ficar sempre na solidão.
Beijos, Gi.
http://ggsampaio.blogspot.com.br/
Oi Ana! Fico muito feliz que tenha gostado do meu texto! Esse já faz um tempinho que escrevi e nem imaginava que era dele que tu tinha gostado rs. Infelizmente não escrevo mais nesse blog, agora só dou continuidade ao Chanel Fake e de vez em quando publico algum texto meu nele. Obrigada pela oportunidade, beijos! Bruna Santos. http://chanelfakeblog.blogspot.com.br/

Postar um comentário

Olá, é um grande prazer ter você aqui no blog, fique a vontade. Deixe o link do seu blog para que eu também possa visitá-lo ,mas evite mensagens (seguindo,segue de volta) Beeijos ♥

PageRank